noticias


11/11/2011 - Compra da Medial pela Amil poderá ter restrições
 

 

 

 

Secretaria de Acompanhamento Econômico indicou que a operação tem uma “possibilidade significativa” de apresentar concentração de mercado

Amil: concentração foi observada em Mogi das Cruzes, em Diadema e na cidade de São Paulo

 

São Paulo - A Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae) enviou ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) suas recomendações sobre a compra da Medial pela Amil. A análise indicou que a operação tem uma “possibilidade significativa” de apresentar concentração de mercado. O Cade não é obrigado a seguir as sugestões. 

A concentração foi observada pela Seae no mercado de plano médico individual/familiar em Mogi das Cruzes, no mercado de análises clínicas em Diadema e no mercado de serviço médico-hospitalar em algumas regiões da cidade de São Paulo.

A Seae sugere a alienação da carteira de beneficiários no caso de plano médico individual/familar, em Mogi das Cruzes. Em São Paulo e Diadema, a sugestão é de alienação de ativos, incluídos equipamentos, instalações, corpo técnico e material – para um terceiro, cuja parcela de mercado após a alienação não seja superior a 20% do respectivo mercado relevante.

A Amil comprou mais de 50% do capital da Medial em 2009 por 612,5 milhões de reais. Com o negócio, a fatia de mercado da Amil no Estado de São Paulo passou de 7,9% para 15,1%. No Brasil, a fatia saltou de 6,2% para 10,1%, atingindo 4,2 milhões de beneficiários em saúde e outros 986 mil em planos dentais.

Fonte: Exame



Comentários


Nenhum comentário no momento!



Cadastre o seu comentário
 
Titulo:
Nome:
Email:
 
Comentário

(0 / 1000)
Receber comentários por email:
 
 



Voltar

 


RH Medical
Avenida Santa Ines, 1143 - Sala 3 - São Paulo - SP, contato@rhmedical.com.br (11)2384-1034
RH Medical - todos os direitos reservados | Desenvolvimento